Parabéns para a Alemanha, pelo Título e ao Brasil, pela #CopadasCopas

Mario Götze, o pequeno herói, do gol campeão.
Mario Götze, o pequeno herói, do gol campeão.

Extremamente orgulhoso com tudo o que aconteceu no Brasil nestes 32 dias, serão inesquecíveis, tanto para nós, brasileiros, como também pelos os estrangeiros, que vieram até aqui e não deram bola para os catastrofistas da Mídia ABUTRE. Tenho certeza que não ser se arrependeram, pois foram bem recebidos, além de ter tido a sorte de ver uma Copa espetacular, em todos os sentidos: Ótimos jogos, muitos gols e muito calor humano.

Claro que temos muitos problemas, mas vamos separar as três questões, de forma bem claras:

1) O Brasil;
2) A Copa do mundo;
3) O desempenho da Seleção Brasileira;

Quem odeia o país sempre torceu contra as três questões, pois, para eles, o Brasil é um inferno e muitos têm a cabeça na Europa ou nos EUA, mas vivem aqui insatisfeitos, não admitem a hipótese deste pais ter sucesso em qualquer coisa, menos ainda num evento mundial. Qual o sentido de fazermos o mesmo? O Brasil está bem melhor que antes, com muitas mazelas, claro, mas avançou muito nos últimos anos, precisamos manter a toada para irmos mais longe, ser umpaís mais justo e com mais oportunidades.

Ao contrário do que previam, fizemos uma excelente Copa do Mundo, muitos especialistas mundiais e até mesmo locais, estão considerando esta Copa, como a #CopadasCopas. Discorremos outras vezes sobre isto, reafirmamos que tudo funcionou acima do esperado. O povo se mobilizou e os serviços públicos, como aeroportos, transportes e segurança, tidos como pontos de riscos, foram eficazes, sem nenhuma ocorrência grave, ou que pudesse gerar críticas negativas. Os estádios, além de lindos, atenderem perfeitamente ao público, os problemas quase todos foram de responsabilidade da parte da FIFA, como Ingressos, Comida e Arbitragens.

Por fim, o desempenho da Seleção Brasileira foi ruim, é inegável, em particular nos últimos jogos. Temos que refletir sobre CBF, estrutura do futebol brasileiro, os clubes, os dirigentes, os técnicos e os jogadores, cuja safra é ruim, com poucos craques. A trágica partida com a Alemanha, na semifinal, é uma alerta grave de que precisa se mudar urgentemente, uma renovação geral, mas sem perder de vista tudo o que o Brasil já conquistou no futebol,pois a julgar pelo que se ouve, vê e lê na mídia, só se tocar fogo em tudo e recomeça, o que não é o caso.

Para fechar com chave de ouro, a Final da #CopaDasCopas foi espetacular, a vitória da Alemanha na prorrogação valorizou demais a garra e a determinação da Argentina, que teve várias chances, mas prevaleceu a organização e o ótimo conjunto alemão. Estão de parabéns, vários anos de preparação, com várias derrotas (2 copas, uma em casa, 3 Eurocopas), mas não trocaram de técnico, seguiram uma filosofia que uniu Estado, Federação Alemã e os Clubes, um exemplo a ser seguido.

Claro que Parabéns ao Brasil por ter feito uma Copa muito acima do esperado, a despeito da Seleção, o país se mobilizou e deu um SHOW. Parabéns à Presidente Dilma Rousseff, pela excelente Copa que o Brasil organizou sob seu comando.

Quanto às vaias, elas ficam para quem torceu contra a Copa, foram derrotados, como sempre.

Viva o Brasil.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: