“Ressoe no porvir que inumeráveis, Sem êxito nenhum, travamos guerra” (Ilíada, Livro II – Homero) As relações humanas, de todos os tipos, se revestem quase sempre de uma ampla camada de complexidade, que nem sempre se consegue qualificar de forma simples, pois, internamente, são construídas por subjetividades, por plexo e […]

“De todos faz covardes a consciência” (Hamlet – W Shakespeare) Tantas tecnologias no alvorecer de um novo mundo, comunicações, sem no entanto fazer romper com os dilemas mais elementares, já pensados e postulados em épocas passadas, apenas para nos lembrar o que realmente somos, não importando os  avanços da sociedade, […]

1

“Este é o homem de todo excelente: quem tudo compreende por si só; Pensando no futuro e nas coisas que levam a um fim melhor. Também é nobre quem é convencido por quem diz boas coisas; Mas quem nem compreende por si só nem, ouvindo a outro, Coloca no espírito […]