“De todos faz covardes a consciência” (Hamlet – W Shakespeare)  Sim, faz um bom tempo em que não apareço por aqui, andei realmente meio sumido, sem escrever quase nada, mas não é por falta do que falar, ao contrário, tenho muito, entretanto a vida tomou um rumo absolutamente inesperado, que […]

  “Por um ato só pendente da minha própria vontade, provarei que a humanidade é também omnipotente; que não passam de delírios, abortos da mente insana esses infernos-martírios com que a morte à vida engana” (Fausto – Goethe) Vivemos em Estado de Exceção como Regra, não é apenas algo fora […]

“interrompem em inúmeros pontos a cadeia das obrigações de pagamento em prazos determinados, e se agravam com o consequente desmoronamento do sistema de crédito que se desenvolve junto com o capital. Assim redundam em crises violentas, agudas, em depreciações bruscas, brutais, em estagnação e perturbações físicas do processo de reprodução […]